sexta-feira, 22 de maio de 2015

Com ajuda do pastor Silas Malafaia, senador Magno Malta cria a Frente Parlamentar da Família

Com ajuda do pastor Silas Malafaia, senador Magno Malta cria a Frente Parlamentar da Família
O senador Magno Malta (PR-ES) criou a Frente Parlamentar da Família (FPF) no Senado Federal, e contou com o apoio do pastor Silas Malafaia na reunião dos participantes.
O lançamento da FPF foi realizado no auditório Petrônio Portela do Senado, na tarde da última quarta-feira, 20 de maio, com a participação de deputados, senadores e líderes cristãos.
Além de Malafaia, estiveram presentes o bispo Robson Rodovalho, a psicóloga Marisa Lobo, a advogada e assessora parlamentar Damares Alves, o deputado Marcelo Aguiar (DEM-SP), e o pastor Abner Ferreira, entre outros.
Malafaia usou a palavra para frisar que existe um movimento conspiratório contra a família na sociedade brasileira: “A destruição da Família é fazer com que a sociedade seja uma massa informe para ser manipulada por uma elite política. É isso que está em jogo, senhores! Porque a autoridade do pai e da mãe na casa é algo mais forte que a autoridade do Estado dentro de uma casa. Estes esquerdopatas querem, ideologicamente, destruir a família para que haja uma massa informe. Eles querem infiltrar, nas escolas, no ensino, toda a sua ideologia, para que ao final, a família perca o seu valor e o seu poder”, discursou o pastor.O senador Magno Malta também se pronunciou e afirmou que a FPF tem como missão a ampliação da proteção às crianças e jovens: “Vamos apresentar e dar apoio a todos os projetos de lei que visam ampliar a proteção às nossas crianças e jovens. Existem redes de pedófilos agindo no Brasil e é necessário, inclusive, haver um monitoramento maior disso na internet”, defendeu o político, que é um dos maiores apoiadores da redução da maioridade penal no Brasil.
Além dessas bandeiras, Malta é conhecido por seus trabalhos sociais de recuperação de dependentes químicos através da prática esportiva.http://noticias.gospelmais.com.br/

Patrícia Abravanel, filha de Silvio Santos, conta porque deixou de ir à igreja: “Cheia de regras”

Patrícia Abravanel, filha de Silvio Santos, conta porque deixou de ir à igreja: “Cheia de regras”
A apresentadora Patrícia Abravanel, 37 anos, filha de Silvio Santos, revelou que deixou de frequentar as igrejas evangélicas no Brasil por conta das doutrinas impositivas.
“Foi um tempo muito bom. Uma oportunidade de sair da bolha e enxergar as necessidades do outro. Mas, acho a igreja evangélica aqui no Brasil muito cheia de regras. Não frequento mais”, afirmou Patrícia, com a experiência de quem morou em outros três países.
Por sete anos, ela foi casada com Phillipe Carrasco, filho dos pastores e fundadores da Igreja Vida Nova, que ela frequentava desde que tinha sido levada por sua mãe, a escritora Iris Abravanel.
Divorciada de Carrasco há cinco anos, hoje Patrícia vive com o deputado federal Fabio Faria (PSD-RN), com quem tem um filho, Pedro, de oito meses. “O Fábio se mostrou um cara muito parecido comigo, com os mesmos valores. E foi aprovadíssimo pelo meu pai”, comentou a apresentadora.
A carreira na televisão contou com o apoio do pai, considerado de forma quase unânime o maior comunicador do Brasil. “Sempre existiu uma vontadezinha de ser apresentadora, mas nunca tive coragem de assumir. Até o dia em que falei e meu pai perguntou por que não fazer um teste. Fiz e me achei simpática no vídeo. Eu tinha medo da reação dele. Não achei que iria me encorajar tanto”, revelou, em entrevista à revista TPM.
Sobre seu desempenho no vídeo, Patrícia afirma que Silvio Santos não interfere muito: “Ele dá palpite na roupa, principalmente no sapato. O que ele sempre diz é que vou aprender mesmo é com a experiência”.
Para os críticos de TV, como o jornalista José Armando Vannucci, ela tem muito mais do que admite: “A Patrícia é a sucessora artística nata do Silvio Santos. Os telespectadores gostam dela justamente porque conseguiu captar do Silvio aquela linguagem mais próxima das pessoas. Ela tem um futuro promissor na televisão e acredito que será uma grande apresentadora”, palpitou.Ela porém, não admite que tenha talento para tanto: “Não tenho a menor pretensão de ser como ele. Até porque seria impossível. Não existe receita para ser Silvio Santos. Ele tem um brilho especial. Quanto a mim, sou só um pouquinho dele na televisão”, disse.
Silvio, no entanto, elogia a desenvoltura da filha e acredita que ela mesma vai se contradizer no futuro sobre não ir mais à igreja: “Patrícia na televisão é muito mais do que eu esperava. Ela vai fazer nome. Tem um bom futuro na TV e também vai ser política, porque gosta e agora tem até um marido político. Quando tiver uns 50 anos, vai ser pastora, porque está na alma dela”, profetiza Sílvio Santos.noticias.gospelmais.com.br/

Oposição move ação por crime comum contra Dilma na PGR

PSDB, DEM, PPS e SD se uniram e decidiram ingressar na Procuradoria-Geral da República (PGR) com duas representações contra a presidente Dilma Rousseff por crime comum. De acordo com o Diário do Poder, as denúncias são em razão das pedaladas fiscais de 2013 a 2015, já que a lei veda que bancos públicos como Caixa, Banco do Brasil e BNDES financiem seu controlador, no caso a União.
As alegações são de crime contra o sistema financeiro e o objetivo dos parlamentares é conseguir o mesmo efeito do impeachment da presidente, porém de uma maneira diferente desta vez, visto que a oposição não conseguiu pareceres jurídicos que sustentem um pedido de impedimento por crime de responsabilidade.
A ação foi redigida pelo ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e da Justiça, Miguel Reale Júnior – o mesmo que, recentemente, deu parecer contrário ao pedido de impeachment por crime de responsabilidade. Caso a PGR e o STF acatem a representação, a Câmara dos Deputados não terá alternativa, a não ser votar a abertura de inquérito, o que obrigaria o afastamento imediato de Dilma da Presidência por seis meses. Ainda assim, a oposição tenta aproveitar o momento de racha na base do governo na Câmara para facilitar a obtenção dos 342 votos necessários para aprovar o inquérito.bocaonews.com.br

Ministro mantém prisão de três investigados pela operação Lava Jato

O desembargador convocado Newton Trisotto, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou pedidos de liminar em habeas corpus impetrados em favor de Nestor Cerveró, Mário Frederico de Mendonça Goes e Adir Assad, todos investigados no âmbito da operação Lava Jato, que apura corrupção na Petrobras.
A defesa dos três pretendia a revogação da prisão preventiva. Contudo, Trisotto afirma que a decretação da prisão preventiva é justificada quando há fortes indícios de participação do denunciado em crime de corrupção passiva e de lavagem de dinheiro, além de atos relacionados com fraudes em processos licitatórios.
O ministro ainda afirmou que estão presentes nesses casos os pressupostos autorizadores da prisão preventiva, pois a decretação da medida se baseou em fatos concretos observados pelo juiz da instrução criminal.
Na ocasião, o desembargador rechaçou a afirmação de que nem a gravidade do crime atribuído aos réus nem a magnitude da lesão provocada seriam motivos capazes de autorizar a prisão preventiva em nome do resguardo da ordem pública.
Ao analisar o pedido apresentado pela defesa de Nestor Cerveró, ex-diretor da área internacional da Petrobras, o relator não verificou as circunstâncias excepcionais que autorizam o deferimento de liminar em habeas corpus.

Assista momento em que policial militar foi executado por bandidos em São José

A Aspra publicou um banner no seu perfil de Facebook em solidariedade a família e homenagem ao PM executado por bandidos nesta quinsta-feira (21).

Amigo de Wagner, Schmidt é nomeado assessor especial no Ministério da Defesa

Amigo de Wagner, Schmidt é nomeado assessor especial no Ministério da Defesa
Foto: Reprodução/ Globo Esporte
Ex-presidente do Esporte Clube Bahia, Fernando Schmidt foi nomeado, em 13 março, assessor especial do ministo da Defesa, o ex-governador baiano Jaques Wagner. De acordo com o Portal Transparência, Schmidt irá trabalhar 40 horas semanais. Por ter trabalhado 17 dias, no mês de março, o ex-mandatário do Bahia recebeu R$ 5.384,66 dos cofres públicos. Seu salário integral, no entanto, só poderá ser conhecido quando ele trabalhar um mês completo - o que ainda não foi divulgado pelo Portal da Transparência. Fernando Schmidt foi secretário de Relações Internacionais e da Agenda Bahia no governo Wagner, deixando o cargo para ser presidente do clube baiano. Após a saída dele do secretariado, Wagner extinguiu a pasta e foi acusado pela oposição de criar o órgão apenas para acomodar o amigo. Em entrevista ao Bahia Notícias, interlocutores de Schmidt já ventilavam a nomeação. Amigo de petistas, Schmidt já foi até ministro interino do governo Lula, quando ocupou a pasta do Trabalho e Emprego no governo, de 31 de julho a 6 de agosto de 2003.

Após reclamar do fechamento de salão na Câmara, Alice critica construção de shopping

Após reclamar do fechamento de salão na Câmara, Alice critica construção de shopping
Foto: Luis Macedo / Câmara dos Deputados
A deputada federal Alice Portugal (PCdoB-BA) criticou a aprovação de parceria público-privada que acarretará na construção de um shopping na Câmara dos Deputados, registrada nesta quinta-feira (21), porém voltou a defender a existência do salão de beleza da Casa, desativado em janeiro. "É óbvio que um lugar onde passam 10 mil pessoas por semana, especialmente quando tem matérias polêmicas, é preciso ter esse serviço. É necessário que os serviços sejam restabelecidos em geral. Mas jamais sendo estrutura privada, visando lucros", disse. Para Alice, o que foi proposto ontem foi uma "indecência" e ela não pode concordar com isso - a deputada afirmou que votou contra a emenda. "O empresário vai construir e vai explorar. E quando ele não quiser mais explorar, o prédio vai ser da Câmara ou do privado? É coisa incerta, insegurança jurídica essa proposta da mesa diretora", declarou, sem citar nomes. Apesar da aprovação, Alice avalia como positiva a resistência dos deputados que "não querem que a Câmara fique a mercê de nenhum grupo econômico".

Rui lamenta morte de PM e cobra órgãos de direitos humanos: ele tinha família


Durante a cerimônia na tarde desta quinta (21) onde recebeu a Comenda Ministro Coqueijo Costa, da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho da Bahia, o governador Rui Costa (PT) desabafou sobre a morte de mais um policial militar na Bahia este ano. O soldado PM, Denisson Rodrigues foi executado por bandidos durante um assalto a uma agência dos Correios nesta quinta (21) no município de São José da Vitória, no sul baiano.Indignado, o governador questionou o tratamento dado pelas entidades de direitos humanos quando as vítimas são policiais. “O que eu sinto às vezes, e confesso, fico triste porque há pouquíssima repercussão ou preocupação – Inexiste às vezes a preocupação de órgãos de direitos humanos quando quem vem a óbito é um policial militar”, reclamou.
 
“Eu lembro que esse policial tem filho, tem filha, tem esposa, tem família. Às vezes o foco é exclusivamente [e a minha crítica vai para o exclusivamente] quando o óbito acontece com uma pessoa que está envolvida com algum ato criminal. Mas quando é com um policial, infelizmente não há a mesma indignação que há. Eu quero manifestar toda a minha indignação tanto quando há a morte de um policial quanto de qualquer pessoa civil”, desabafou.
 
Rui pediu ainda um esforço conjunto das famílias e da sociedade no combate ao tráfico de drogas e na criminalidade, áreas que segundo ele são responsáveis por mais de 70% dos óbitos de jovens e adolescentes.bocaonews.com.br


Garoto de 11 anos recebe diploma de faculdade da Califórnia

No Twitter, Tanishq publicou uma foto na comemoração da colação de grau (Foto: Reprodução/Twitter/iscienceluvr)No Twitter, Tanishq publicou uma foto na
comemoração da colação de grau
(Foto: Reprodução/Twitter/iscienceluvr)
O estudante Tanishq Abraham tem apenas 11 anos, dois sonhos enormes e muita determinação para chegar lá. Nesta quarta-feira (20), o garoto recebeu seu diploma da American River College, uma faculdade comunitária de Sacramento, cidade americana que fica na Califórnia. Tanishq já fazia aulas lá antes mesmo de conseguir seu diploma do ensino médio, feito que ele conquistou aos 10 anos, em junho de 2014. O objetivo, segundo ele, é um dia receber o Prêmio Nobel de Medicina e ser eleito presidente dos Estados Unidos.
A precocidade de Tanishq não é recente: aos 4 anos, o menino foi aceito na Mensa, entidade que reúne pessoas com QI acima da média mundial, consideradas superdotadas.
Filho mais velho da veterinária Taji Abraham, e de um funcionário de uma firma de robótica, Tanishq deixou a escola aos 7 anos e recebeu educação em casa. As aulas de química e biologia eram com a mãe. Cálculo e trigonometria o pré-adolescente aprendeu com o pai. Mas, segundo a mãe afirmou à Reuters, "ele basicamente é autodidata
A comemoração da graduação do jovem foi regada a bebida sem álcool em um restaurante. Tanishq publicou uma foto no Twitter tirada na festa que fez com a família na quarta, após a cerimônia de colação de grau. Na foto, ele mostra a decoração que fez do seu capelo: uma nave espacial e a frase "ao infinito, e além", citação do personagem Buzz Lightyear na animação "Toy Story".
O estudante conseguiu o diploma do ensino médio tão cedo porque foi aprovado no exame que o governo da Califórnia aplica a estudantes que queiram deixar o ensino médio antes de concluir todos os anos.
À rede de televisão NBC, o porta-voz da American River College confirmou que o estudante foi o mais novo a colar grau neste ano letivo, e que, apesar de a faculdade não ter todos os arquivos para confirmar, supõe-se que ele seja o mais novo da história da instituição a receber o diploma.
No ano passado, quando terminou o ensino médio, Tanishq planejava concluir seus estudos na faculdade comunitária de Sacramento e depois estudar na Universidade da Califórnia no campus de Davis, por causa da proximidade com a cidade em que mora a família.
Por sua vez, o plano de longo prazo – de um dia sentar na cadeira principal da Casa Branca – já deu pequenos passos: na época em que ele concluiu o ensino médio, o atual ocupante da Sala Oval, Barack Obama, enviou uma mensagem parabenizando o jovem, que inclusive mantém fãs nas redes sociais, como os mais de 30 mil seguidores no Twitter.
Aos 11 anos, Tanishq Abraham, dos EUA, conquistou o diploma do ensino superior (Foto: Reprodução/Twitter/iscienceluvr)

quinta-feira, 21 de maio de 2015

militares são obrigados por superiores a se agredirem; vídeo

O Comando Militar do Sudeste abriu um inquérito para investigar um caso de auso de poder e maus tratos em um treinamento realizado no 4º Batalhão de Infantaria Leve, em Osasco, na Região Metropolitana de São Paulo. Nas imagens, enviadas por leitores ao WhatsApp do EXTRA (21 99644-1263 ou 21 99809-9952), é possível ver que soldados da unidade militar são obrigados por superiores a se agredirem, com socos e tapas.
O cara vai te bater e você tem que bater nele. Para de viadagem, porra. Solta essa mão na cara dele. Essa porra é equilíbrio emocional. É você manter o controle e continuar batendo”, grita um militar, ainda não identificado, a seus subordinados.
O treinamento foi registrado por uma câmera escondida e evidenciou uma série de maus tratos aos militares mais novos. Muitos deles, após uma sequência de trocas de tapas e socos, se sentem mal e precisam parar. Apenas um deles recebe atenção especial dos superiores, após cair ao chão por levar um golpe de outro colega. “Ficou tonto. Já deu. Já deu”, comenta outro militar.
Segundo o Comando Militar do Sudeste, o treinamento fazia parte da instrução de lutas realizadas dentro do batalhão, neste mês. O Exército informou, por meio de assessoria de imprensa, que um Inquérito Policial Militar foi aberto na última segunda-feira para identificar os responsáveis, que devem responder criminal e disciplinarmente pelo ocorrido. A apuração deve ficar pronta em um prazo de 30 dias.
Em nota enviada pelo Exército, a instituição repudia a atitude registrada em vídeo e diz que “o respeito aos superiores, pares e subornidados é um dever militar que não condiz com atitudes de maus tratos ou de castigo físico, sendo tal comportamento inadmissível entre militares que juram defender a Pátria com o sacrifício da própria vida”. O Comando Militar do Sudeste também informou por meio de nota que “repudia de maneira veemente todo e qualquer desvio de caráter e de conduta que venha a desabonar os valores militares previstos no Estatuto dos Militares e descumprir os preceitos previstos no Regulamento Disciplinar do Exército”.
Globo.Com

Preso da Lava Jato era elo entre o PT e a Petrobras, diz investigação da PF


A Polícia Federal (PF) disse que o empresário Milton Pascowitch, preso durante a 13ª fase da Operação Lava Jato, atuava como elo entre a diretoria de Serviços da Petrobras e o Partido dos Trabalhadores (PT). Segundo a PF, o contato era feito por meio da JD Consultoria, de propriedade do ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu.
A fase mais recente da operação foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (21) em Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro e cumpriu seis mandados judiciais.
Segundo as investigações, Pascowitch era um dos operadores de propina no esquema da Petrobras. Ele atua junto à Engevix, empreiteira com contratos com a estatal e que é acusada de pagar propinas a diretores. Por meio de empresa própria, Pascowitch pagou R$ 1,4 milhão à consultoria de Dirceu, que nega irregularidades.
PF fala sobre a 13ª fase da Operação Lava Jato em uma coletiva de imprensa realizada nesta quinta (21) em Curitiba (Foto: Dulcineia Novaes / RPC)PF fala sobre a 13ª fase da Operação Lava Jato em
coletiva de imprensa realizada nesta quinta (21),
em Curitiba (Foto: Dulcineia Novaes / RPC)
"A única ligação entre Pascowitch e o Partido dos Trabalhadores que temos hoje é através do José Dirceu. A empresa de Milton fez pagamentos à JD entre 2011 e 2012", disse o delegado Igor Romário de Paula.
Milton Pascowitch fez o repasse por meio da Jamp Engenheiros Associados LTDA. De acordo com o ex-gerente de Serviços da Petrobras, Pedro Barusco, a Jamp era responsável por repassar propina paga pela construtora Engevix.
O ex-ministro José Dirceu reafirmou, em nota, que o contrato com a Jamp "teve o objetivo de prospectar negócios para a Engevix no Peru e não teve qualquer relação com contratos na Petrobras".
G1 aguarda o posicionamento do PT sobre o assunto.
A PF agora tem um novo foco de investigacão. Isso porque, Pascowitch, que presta serviços à Ecovix, empresa do ramo de construção naval e offshore (empresas de exploração petrolífera que operam com plataformas no mar), ligada à Engevix, teria atuado em contratos firmados com as diretorias de Exploração e de Serviços da estatal.
O empresário assinou contratos com um estaleiro e a diretoria de Exploração, que agora serão investigados. "Nós não tínhamos nada de concreto de que alguém tivesse atuado nesta diretoria, mas agora Pascowitch nos leva até lá através da Engevix", disse o delegado Igor Romário.
Mandados cumpridos
Milton Pascowitch estava em casa quando foi preso, em São Paulo. O empresário já havia prestado depoimento à PF em São Paulo na 9ª fase da operação. Ele deve chegar à carceragem da PF na tarde desta quinta.
A PF ainda informou durante a coletiva que Henry Hoyer de Carvalho foi preso no Rio de Janeiro por portar três armas sem registro durante o cumprimento de um mandado de prisão na casa dele.
Carvalho é ex-assessor do ex-senador Ney Suassuna e é apontado como uma das pessoas que recebeu dinheiro do doleiro Alberto Youssef por intermédio do policial federal afastado Jayme Oliveira Filho. O policial disse que entregou dinheiro "duas ou três vezes" na casa de Carvalho.
Obra de arte que foi apreendida nesta quinta (21) na 13ª fase da Lava Jato (Foto: Polícia Federal / Divulgação)Obra de arte que foi apreendida nesta quinta (21)
na 13ª fase da Lava Jato
(Foto: Polícia Federal / Divulgação)
Quarenta quadros de artistas renomados foram apreendidos na casa de José Adolfo Pascowitch, irmão de Pascowitch. Outros vinte e mais duas esculturas foram apreendidas na casa do empresário.
As obras de arte serão levadas para Curitiba para possivelmente serem expostas no Museu Oscar Niemeyer, como ocorreu com as demais apreendidas em outras fases da operação.
Ao todo, foram cumpridos seis mandados judiciais, sendo quatro de busca e apreensão, um de condução coercitiva, quando a pessoa é obrigada a prestar depoimento e um de prisão preventiva.
Esta fase da Lava Jato tem por objetivo apurar fatos criminosos atribuídos a dois operadores financeiros que atuavam junto a contratos firmados por empreiteiras com a Petrobras, segundo a PF. Dezesseis policiais participaram da ação.Globo.Com

Dilma afirma que contigenciamento não será pequeno


Brasília e São Paulo - A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta quinta-feira (21) que o governo anunciará o contingenciamento amanhã (22), e reforçou que ele será efetivo.
"Tem gente que acha que vai ser pequeno; não vai. Eu dou o conceito, não o número. Ele será não tão grande, nem tão pequeno que não seja efetivo. Ele tem que ser absolutamente adequado", disse.
A presidente voltou a comparar a economia do governo com a economia de uma casa de família e disse que assim como as famílias não ficam paralisadas quando precisam economizar o governo também não será paralisado.
"Nenhum contingenciamento paralisa governo", disse. "Vamos fazer uma boa economia para que o País possa crescer e possa ter sustentabilidade no crescimento", afirmou.
A presidente afirmou que o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, fará os anúncios do contingenciamento do Orçamento. Questionada, a presidente disse não saber se haverá exceções no projeto de desoneração da folha de pagamento.

MPs

Dilma afirmou que não é possível fazer prognósticos sobre o andamento das votações no Senado sobre as medidas provisórias que fazem parte do ajuste fiscal.
"Somos um país democrático. Não existe a hipótese do executivo dizer: aprova. Por isso é que dialogamos", afirmou, em Brasília, ao chegar no Itamaraty, onde oferece um almoço para a comitiva do presidente do Uruguai, Tabaré Vázquez.
Dilma afirmou que é preciso respeitar as discussões, mas que ela "quer e espera" que as medidas provisórias 664 e 665, que tratam de alteração nos benefícios trabalhistas, e que o projeto de desoneração, sejam aprovadas. "E eu quero porque para o Brasil virar essa página é fundamental que nós façamos um ajuste", disse.
A presidente voltou a atribuir as dificuldades econômicas brasileiras à crise internacional e disse que algumas medidas tomadas pelo governo, como subsídios, créditos e desonerações, tiveram como objetivo impedir que a crise se alastrasse pelo País. "Mas tem um limite, agora temos que recompor nossas contas fiscais para poder prosseguir", uol.com.

Ministro diz que cortes no orçamento serão anunciados nesta sexta

Ministro diz que cortes no orçamento serão anunciados nesta sexta
Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil
O ministro da Secretaria de Comunicação Social, Edinho Silva, disse que o governo federal vai fechar os cortes no orçamento nesta quinta-feira (21), mas vai anunciar o valor do contingenciamento apenas nesta sexta-feira (22). Os ajustes serão divulgados através do Diário Oficial da União e uma coletiva de imprensa foi convocada para explicar os cortes. Nesta terça-feira (19), o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, adiantou que o bloqueio de despesas no Orçamento deve variar entre R$ 70 bilhões e R$ 80 bilhões. Para ele, a atitude do governo representa um corte "na carne". Segundo o Estadão, a redução vai afetar principalmente as despesas não obrigatórias, chamadas de discricionárias. Essa categoria inclui investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e do ‘Minha Casa Minha Vida’, e deve sofrer um corte na ordem de R$ 65 bilhões.Bahia Noticias

Após parecer jurídico, partidos de oposição entrarão com representação contra Dilma

Após parecer jurídico, partidos de oposição entrarão com representação contra Dilma
Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
Presidente nacional do PSDB, o senador Aécio Neves declarou nesta quinta-feira (21) que os partidos de oposição entrarão com representação na Procuradoria-Geral da República (PGR) contra a presidente Dilma Rousseff por crimes contra as finanças públicas e falsidade ideológica. O anúncio foi feito após decisão conjunta do PSDB, PPS, DEM, PSC e Solidariedade. "Os partidos de oposição decidiram por entrar na próxima terça-feira, junto à Procuradoria-Geral da República, com uma ação de crime comum contra a presidente da República pelos crimes cometidos ao longo dos anos de 2013, 2014 e que continuam em 2015. Aquilo que se costumou chamar de pedaladas fiscais, onde bancos públicos financiaram o seu controlador (o governo), o que é vedado de forma extremamente clara pela Lei de Responsabilidade Fiscal", disse Aécio. A representação tem base no parecer preparado pelo ex-ministro da Justiça e jurista Miguel Reale Júnior, que afirma que houve crime contra as finanças públicas e falsidade ideológica praticado pela presidente entre 2013 e 2015. "A chefe da Nação foi sujeito ativo, ciente e consciente das práticas ilícitas ora já constatadas pelo Tribunal de Contas da União e em prejuízo de toda a sociedade dadas as consequências graves de inflação e estagnação", diz o parecer. O PSDB cita ainda a “pedalada fiscal”, em menção ao uso de recursos da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil para melhorar o resultado de contas públicas. A coalizão acredita que a representação pode resultar no afastamento da presidente da República do cargo caso a PGR ofereça a denúncia ao Supremo Tribunal Federal (STF) e a Câmara dos Deputados autorize a abertura da ação penal. Nesse caso, Dilma Rousseff seria afastada por até 180 dias. Além de Aécio, participaram da reunião os presidentes  do PPS, deputado Roberto Freire, e do DEM, senador Agripino Maia; os líderes do PSDB no Senado, Cássio Cunha Lima, e na Câmara, Carlos Sampaio; o líder da oposição na Câmara, Bruno Araújo, o líder do DEM no Senado, Ronaldo Caiado; o líder do PPS na Câmara, Rubens Bueno, o líder do DEM na Câmara, Mendonça Filho, e o vice-líder do Solidariedade, deputado José Silva.
bahianoticias.com.br

Acidente com vítima fatal perto de São José da Vitória

Um acidente na manhã desta quinta-feira (21), na BR-101, deixou uma vítima fatal. A tragédia aconteceu próxima a Curva do Casimiro, em São José da Vitória. O condutor da Hilux Valmir (foto ao lado), proprietário da loja 10 & Cia, de Itabuna, perdeu o controle do veículo, bateu no barranco e caiu de ré no matagal. No momento do acidente estava chovendo bastante. Valmir quebrou a clavícula e foi conduzido ao Hospital de Base de Itabuna. O passageiro, ainda não identificado, não resistiu aos ferimentos morrendo no local.Fonte Rede Brasil de Noticias

Itabuna é segunda da Bahia em casos de Aids

Dados atualizados da Secretaria de Saúde da Bahia mostram que Itabuna é o segundo município em quantidade de notificações de Aids neste ano. Entre 1 de janeiro e esta quarta foi detectado o vírus em 104 pessoas. Além de Itabuna, no sul da Bahia novos casos de Aids foram detectados em Ilhéus, Buerarema, Camacan, Itororó, Pau Brasil e Una. No estado, Salvador responde pelo maior número de casos, 431. Depois de Salvador e Itabuna, aparecem Porto Seguro, Itamaraju, Santo Antônio de Jesus e Juazeiro, que juntos já notificaram 150 novos casos confirmados de Aids. No estado já são 871 ocorrências. A Aids já matou 42 pessoas na Bahia neste ano, sendo 16 em Salvador. No sul da Bahia, duas pessoas contaminadas pelos vírus, uma de Ilhéus e outra de Una, morreram neste ano. (A Região)

Aécio diz que impeachment 'não é para agora', mas que oposição desgastará governo

Aécio diz que impeachment 'não é para agora', mas que oposição desgastará governo
Adicionar legenda
O senador Aécio Neves (PSDB-MG) afirmou nesta quarta-feira (20) que o parecer realizado pelo jurista Miguel Reale Júnior reconheceu que há indícios “cada vez maiores” de crime de responsabilidade da presidente Dilma Rousseff, mas que o impeachment “não é agenda para agora”. Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, o presidente nacional do PSDB se reúne com outros líderes oposicionistas para apresentar as conclusões do parecer.  De acordo com Aécio, a oposição se unirá para agir e se dedicará para desgastar o governo com críticas a ações que possam levar a um eventual impeachment.

Brasileiros gastam 650 horas por mês em redes sociais

Brasileiros gastam 650 horas por mês em redes sociais
Adicionar legenda
As 650 horas que os brasileiros gastam por mês em redes sociais representam uma média 60% maior do que a do resto do planeta e colocam o país na liderança mundial. Os dados são da pesquisa Futuro Digital em Foco Brasil 2015 (Digital Future Focus Brazil 2015), divulgada pela consultoria comScore. Atrás do Brasil estão Filipinas, Tailândia, Colômbia e Peru. Além das mais de 600 horas nas redes sociais, os brasileiros gastam 290 horas com portais de notícia e de entretenimento. A pesquisa mostra ainda que 38,3 milhões de pessoas no país acessam a internet por meio de smartphones e tablets. Outro dado colhido pelo comScore indica que postagens no Facebook com fotos e vídeos geram 83% de engajamento.

Ministro do STF arquiva inquérito contra deputado Marco Feliciano

Ministro do STF arquiva inquérito contra deputado Marco Feliciano
Adicionar legenda
O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou nesta quarta-feira (20) o arquivamento de um inquérito aberto para investigar o deputado federal Pastor Marco Feliciano (PSC-SP) pela prática de discriminação ou preconceito religioso. Mendes acatou pedido pelo feito pela Procuradoria-Geral da República (PGR). De acordo com a Agência Brasil, no ano passado, a PGR pediu ao Supremo a abertura de inquérito contra o deputado devido a um vídeo divulgado na internet no qual Feliciano declarou: "Eu profetizo a  falência do tema das trevas! Profetizo o sepultamento dos pais de santos, profetizo o fechamento de terreiros de macumba. Profetiza a gloria do Senhor na terra". No entanto, no dia 11 deste mês, a procuradoria reformulou seu entendimento e pediu o arquivamento do processo, porque não foi possível confirmar que o áudio corresponde à voz do parlamentar e estabelecer a data precisa da gravação. O ministro decidiu a questão com base na jurisprudência do Supremo, cuja fundamentação prevê que pedido de arquivamento da PGR deve ser acolhido sem questionar o mérito da decisão.

Corpo de garota é encontrado com marcas de tiros em Cabrália

O corpo de uma jovem foi encontrado com marcas de tiros, na manhã desta quarta-feira (20), em uma área nas proximidades de um assentamento de trabalhadores rurais na região de Vera Cruz, já em território do município de Santa Cruz Cabrália. Segundo familiares e amigos, o cadáver é da adolescente Thalia Cardoso Farias, 17 anos, que morava no bairro Vista Alegre, na cidade de Porto Seguro. A Polícia Civil de Santa Cruz Cabrália - que realizou o levantamento cadavérico, ainda não divulgou outras informações sobre o crime. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal de Eunápolis. (Radar64)

Psicopata de Itabuna mata após conversa pela internet


O itabunense Rômulo Fonseca Gonçalves, de 23 anos, é considerado um psicopata e confessou ter assassinado a jovem Juliana Camila Lopes Morais, de 26, com quem começou a ter contato pela internet. Ele disse sentir uma vontade incontrolável de matar.

quarta-feira, 20 de maio de 2015

policial atirando em criminosos durante assalto em MG

Após um ladrão ter sido morto durante um assalto a um policial civil na última semana em Uberlândia, e o vídeo ter repercutido na internet, o delegado-chefe do 9º Departamento de Polícia Civil de Uberlândia, Samuel Barreto, fará uma coletiva na manhã desta quinta-feira (21) sobre o caso.
As imagens mostram o policial atirando contra criminosos no Bairro Jardim Patrícia. O policial é lotado na Delegacia Regional de Polícia Civil da cidade e não teve a identidade informada. Ao G1, o delegado-chefe, que informou que por medidas de segurança o policial também não concederá entrevistas.
O vídeo publicado no YouTube pelos usuários Lina Vitarelli e "Apoio Policial Oficial" mostra o momento em que a vítima entra com o carro na garagem da casa. Em seguida, três indivíduos seguram o portão eletrônico e invadem o local. Um dos criminosos se aproxima do lado do motorista armado e abre a porta do veículo, momento em que o policial, já com a arma em punho, começa a disparar contra o trio. Em seguida eles fogem.

Assalto e morte
O crime foi registrado na noite da última quinta-feira (14), por volta das 21h, no Bairro Jardim Patrícia. O policial de 45 anos chegava em casa, acompanhado da esposa, quando percebeu a presença de três criminosos na garagem da residência. Um deles, armado, chegou a abrir a porta do veículo, do lado do motorista.

No Boletim de Ocorrência (BO) consta que o policial disse que percebendo o risco de morte que estava submetido ele a mulher, usou a arma que tinha para se defender, uma pistola calibre 380. Ele falou que chegou a disparar contra o criminoso armado e ele revidou com disparos em direção ao casal.

No relato, a vitima disse que ao término dos disparos o trio saiu do local em fuga num veículo de cor prata. Um comparsa aguardava o grupo do lado de fora e seguiram sentido Bairro Lagoinha. A vítima também contou que percebeu que um dos homens chegou a ser atingido pelos disparos. 
Prisões
Logo após a ocorrência, a Polícia Militar foi acionada. Os policiais realizaram bloqueio nas proximidades da Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do Bairro Pampulha e viram o momento que o baleado, que estava com os comparas, deu entrada na unidade. Quando a polícia entrou na UAI os dois acompanhantes do baleado fugiram correndo sentido interior do bairro.

Próximo do carro dos suspeitos a polícia encontrou um revólver calibre 38, com numeração raspada. Este estava localizado no chão ao lado do passageiro dianteiro. Junto da arma havia quatro cartuchos deflagrados.

Outras viaturas foram chamadas para auxiliarem nas buscas. Uma delas localizou um dos fugitivos. Ele relatou que deixou o baleado na unidade de saúde, mas não soube dizer se ele estava vivo ou morto. Para a polícia ainda ele disse que no local do roubo estava apenas de olheiro.

O suspeito baleado não resistiu e morreu. Ele foi identificado como sendo Eliseu Santos Paulo. O carro usado no crime foi apreendido. Já a arma do policial foi recolhida e e ele compareceu à Delegacia de Plantão da Polícia Civil para dar esclarecimentos. A perícia técnica também já foi feita.

CIA: Bin Laden fazia formulários para novatos, era obcecado por segurança e queria foco nos EUA


LANGLEY - A CIA liberou 103 documentos encontrados no local onde Osama bin Laden se escondia e foi morto no Paquistão. O terrorista saudita queria que a al-Qaeda parasse de se preocupar com disputas regionais e se focasse em matar americanos. Ele debatia táticas, tinha enorme preocupação com a espionagem americana e ainda criava formulários como um autêntico diretor de recursos humanos
O foco deveria estar em matar e combater o povo americano e seus representantes”, escreveu Bin Laden em uma carta encontrada pelos Seals da Marinha e entregue à CIA. "Deveríamos parar com ataques contra o Exército e a polícia no Oriente Médio, especialmente no Iêmen."
 À época de sua morte, Bin Laden queria operações em larga escala, enquanto outros líderes acreditavam que operaçõs menores, como ataques de lobos solitários, teriam mais sucesso para fazer o Ocidente sofrer — disse à AFP um analista da CIA sob anonimato.
Outras cartas mostram um apelo de Bin Laden aos americanos, criticando o governo de George W. Bush por insistir em uma guerra na qual "os próprios soldados estão cometendo suicídio".
A Direção de Inteligência Nacional também divulgou um vídeo com uma de suas cartas sendo lida.
Um dos materiais apreendidos é um modelo de formulário que o próprio Bin Laden utilizava para recrutar novos terroristas. Algumas perguntas eram “Deseja executar uma operação suicida? A quem devemos contatar caso você se converta em um mártir? Você foi educado pela sharia? Quantas vezes esteve no Paquistão? Hobbies? Ciência ou literatura? Você tem familiares que trabalham para o governo e querem cooperar conosco?”.
LIVROS SOBRE 11/9, PAIXÃO PELA FAMÍLIA E MEDO DA VIGILÂNCIA
As correspondências mostram que Bin Laden era extremamente preocupado com sua segurança. Com medo de ataques por drones contra lideranças da al-Qaeda, ele pedia que o grupo não se comunicasse pela internet. Bin Laden também pediu que a al-Qaeda preparasse uma campanha midiática para comemorar os dez anos dos atentados de 11 de setembro de 2001.
Entre outras revelações pela inteligência americana, o terrorista lia livros sobre teorias da conspiração diante do 11 de Setembro. Autores em sua prateleira incluíam o linguista Noam Chomsky e o jornalista Bob Woodward, que revelou o escândalo de Watergate. Ele acompanhava publicações sobre a política externa americana e até sobre os illuminati, segundo documentos.
Em uma carta recebida, seu filho Hamza, de 22 anos, escrevia que estava pronto para se juntar à jihad após passar por treinamentos como explosivos. Ele seria o filho preferido de Bin Laden, segundo a CIA. A vida pessoal de Bin Laden também é revelada. Em algumas das cartas, se mostra um amante apaixonado por suas mulheres — e alerta uma delas contra uma possível inserção de um aparelho de espionagem durante um tratamento dentário.
O material foi divulgado dias após o premiado jornalista americano Seymour Hersh afirmar que a Casa Branca mentiu sobre a morte de Bin Laden, alegando que o Paquistão sabia de sua localização.
Congressistas da oposição questionavam a demora do governo e da CIA em liberar documentos. A Casa Branca alegou que o conteúdo precisava ser revisado antes da publicação.
"A divulgação dos documentos segue um padrão rigoroso pelas agências do governo e se alinha ao pedido do presidente Obama por aumento na transparência consistente com as prerrogativas da segurança nacional", declarou o órgão.
© 1996 - 2015. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização. 

Pai engravida filha de dez anos em aldeia indígena no Mato Grosso do Sul

Uma menina de dez anos engravidou após ser estuprada pelo próprio pai em uma aldeia indígena de Dourados, no Mato Grosso do Sul. A gestação foi descoberta por acaso durante uma campanha de vacinação contra a gripe
Uma menina de dez anos engravidou após ser estuprada pelo próprio pai em uma aldeia indígena de Dourados, no Mato Grosso do Sul. A gestação foi descoberta por acaso durante uma campanha de vacinação contra a gripe Foto: Reprodução/ Rede Record

Deputado evangélico é expulso pelo partido de Jean Wyllys, mas não vai perder o mandato

Deputado evangélico é expulso pelo partido de Jean Wyllys, mas não vai perder o mandato
O cabo Daciolo, deputado federal eleito em outubro de 2014, foi expulso do PSOL no último sábado, 16 de maio.
O diretório nacional do PSOL se reuniu e votou o caso de Daciolo. Com o resultado de 53 votos a 1, a decisão de expulsá-lo foi levada adiante pelos dirigentes do partido.
Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, em uma segunda votação, o diretório decidiu por 31 votos contra 24 não reivindicar o mandato dele ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Todo o imbróglio começou quando Daciolo, que é cabo do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, propôs a “PEC de Deus”, que pretende alterar a origem do poder concedido ao Estado brasileiro na Constituição Federal.
Atualmente, o texto da carta magna diz que “todo poder emana do povo”, e Daciolo quer que se reconheça que todo poder “emana de Deus”.
O líder do PSOL na Câmara dos Deputados, Chico Alencar (RJ), considera ideia inaceitável: “[Daciolo] colidiu com um ponto fundamental do nosso partido, que é a defesa do Estado laico. Respeitamos todas as crenças, mas o discurso fundamentalista religioso não pode ser tolerado”, afirmou o deputado, que votou a favor da expulsão do colega.Procurado para comentar sua expulsão, Daciolo não foi localizado. Dias antes, havia publicado em sua página no Facebook que reiterava suas propostas e sua fé: “O PSOL sempre soube da minha fé e das minhas posições em defesa dos militares. Volto a repetir: sou cristão e acredito piamente que todo poder emana de Deus”, escreveu.
Janira Rocha, ex-deputada estadual do Rio de Janeiro pelo PSOL, foi a única a votar pela permanência do cabo Daciolo no partido. Ela informou à Folha que Daciolo vai recorrer da decisão.

Missionário R. R. Soares compra a Rádio Estadão e vai transmitir programas gospel na emissora

Missionário R. R. Soares compra a Rádio Estadão e vai transmitir programas gospel na emissora
Adicionar legenda

O missionário R. R. Soares comprou a rádio Estadão AM 700 Khz e já começará a transmitir a programação da Nossa Rádio a partir da próxima segunda-feira, 25 de maio.
A negociação entre o líder da Igreja Internacional da Graça de Deus e a direção do Grupo Estado, proprietário do centenário jornal O Estado de S. Paulo foi fechada recentemente, segundo informações do jornalista Anderson Cheni, publicadas nesta segunda-feira, 18 de maio.
A rádio Estadão transmitia sua programação em AM 700 khz e FM, em 92,9. A emissora continua no ar apenas no FM, enquanto a frequência de AM passa a pertencer ao missionário.
Fundada em 1958, a rádio do Grupo Estado chamava-se Eldorado, e marcou época no jornalismo paulistano. Já nos anos 2000, estabeleceu parceria com a ESPN, tornando-se a Eldorado/ESPN.
Depois, com a decisão de usar a marca Eldorado apenas para a programação musical, a direção da emissora migrou a Eldorado FM para 107,3 e passou a usar o nome Estadão/ESPN nas frequências 92,9 FM e 700 AM. Logo depois disso, a parceria com a ESPN chegou ao fim.
“O Grupo Estado fechou a negociação de uma das suas emissoras de rádio. O histórico e marcante prefixo dos 700 Khz, que já foi Rádio Eldorado e hoje é Rádio Estadão dará lugar à Nossa Rádio, emissora do segmento gospel que pertence ao missionário R. R. Soares, líder da Igreja Internacional da Graça de Deus. A estreia da emissora em seu novo prefixo já foi confirmada pelo próprio missionário para a próxima segunda-feira, dia 25/05. A partir dessa data, a programação da Rede Nossa Rádio estará simultaneamente na FM 106.9 e neste novo canal em amplitude modulada. O Grupo Estado ainda não se pronunciou oficialmente a respeito da negociação. Fundada em 4 de janeiro de 1958, a Rádio Eldorado marcou época no jornalismo da cidade de São Paulo, aos poucos a falta de investimento na emissora, má administração e parcerias que não deram resultados esperados foram fundamentais para a família Mesquita tomar a decisão da negociação”, publicou Cheni.A estratégia do missionário em comprar a frequência em AM tem a ver com a migração das emissoras que atuam nesse formato para o FM, de acordo com o planejamento do Ministério das Telecomunicações para a desativação da TV analógica e implantação total da TV Digital. O fim das transmissões analógicas abre espaço para que mais faixas sejam abertas na frequência FM, possibilitando assim que emissoras do AM transmitam seus conteúdos de maneira digital na nova frequência, segundo informações do jornal O Globo.
Os valores da negociação entre o missionário R. R. Soares e a direção do Grupo Estado não foram informados pelo jornalista Anderson Cheni.